Aprenda a Retirar o Oleo de Coco dos Cabelos e de Adeus ao Aspecto Oleoso dos Fios






oleo de coco para cabelo, oleo de coco cabelo



Heeeyyy migsssss, e ai tudo beleza?

Vamos trocar uma ideia aqui bem juntinhas: Tu usa óleo de coco

Tu já passou perrengue depois de fazer uma umectação ou até mesmo uma hidratação com ele, por que os cabelos ficam hiper pesados, emplastrados e com cara de sujo mesmo estando limpo porque simplesmente parece que óleo não sai de jeito nenhum, confessa vai , quem nunca?


Mas hoje de uma vez por todas vamos acabar com esse pequeno incômodo e vamos usar e abusar do óleo de coco de uma vez por todas! Vamos juntas nessa? Então rola o post pra baixo e vamos comigo!


Coisas que você precisa saber sobre óleo de coco: 



Ele é extraído em sua grande maioria a frio, isso significa que o processo que ele passa até chegar a você é quase que 100% artesanal e isso o torna Extra virgem. E esse é um dos motivos pelo qual ele endurece em temperatura ambiente e quando exposto a uma mínima fonte de calor ele volta a se apresentar de forma mais "liquida".

Óleo de coco puro é assim: Fica duro em temperatura ambiente ou no frio e derrete quando aquecido. Óleo de coco que já vem liquido na embalagem e não muda seu estado físico geralmente pode estar misturado a algum outro tipo de óleo e já não é mais considerado extra virgem, pode conter parabenos e até óleo de origem animal.

Você pode aquecer seu óleo de coco com a palma das mãos, em banho maria, ou até mesmo no microondas, mas para esses dois casos além de dar uma ótima dica mais a frente, sugiro que você aqueça por partes, pra não comprometer o produto de tanto esquenta esfria, esquenta esfria.
Aja com ele como você age com um alimento congelado por exemplo: descongele apenas o que for consumir, no caso do óleo, aqueça a porção que for utilizar no momento #ficadica

oleo de coco para cabelo


Outra coisa que você precisa muito saber é que o óleo de coco por si só é anti age:  previne e combate o envelhecimento precoce da pele e dos cabelos, ajuda na regeneração da hidratação e umidade dos fios danificados por ser hidrofóbico: Seja ele hidrata, regenera e recupera a fibra e forma uma película protetora que impede que a umidade saia dos fios. 
Ele também é uma faca de 2 gumes: Embora tenha um milhão de benefícios acabei de dizer aqui que ele é hidrofóbico e que ele forma uma película que protege os fios impedindo que a umidade natural saia dos fios, porém essa mesma película impede que a umidade externa, propriedades hidratantes e até mesmo água entre nos fios, por isso que algumas pessoas relatam que ao tratar os fios com óleo de coco frequentemente notaram ressecamento dos fios depois de um longo período  de uso constante.






oleo de coco softhair, oleo de coco, oleo de coco copra
Compre  óleo de coco Softhair  na minha loja de cosméticos IKESAKI






Acontece assim: Eu uso óleo de coco um dia (ele ficou bom) > ele cria um filme protetor > eu não consigo retirar todo óleo de uma semana para outra mas gosto do resultado> uso óleo de coco mais uma vez> o filme protetor é reforçado> umidade, hidratação e água não conseguem penetrar nos fios = ressecamento. Digo isso a longo prazo e antes de você saber como eu faço para retirar o óleo de coco do cabelo,  claro!


Blá, blá,blás a parte vamos agora ao que te trouxe aqui: Como retirar o óleo de coco dos cabelos

Forma 1 com os cabelos lavados e limpos:

lave os cabelos com seu shampoo NEUTRO de preferência, aplique o óleo de coco (puro ou misturado e faça sua pausa como de costume), passado o tempo da pausa:

Óleo de coco misturado ao hidratante: retire com água DE MORNA PARA FRIA, retire o excesso com uma toalha (mas não muito) e aplique condicionador ou hidratante leve e massageie mecha a mecha, de uma pausa de 2 minutos enxague, lave com shampoo para O SEU TIPO DE CABELO.
Sugestão de condicionador para essa técnica: Condicionador Vitae broto de bambu Embelleze. Mas caso você não tenha pode usar o que você já está acostumada, só não use condicionador a base de Óleo tipo: óleo de argan, óleo de ojon ou o próprio óleo de coco.

Sugestão de hidratante leve para essa técnica: Creme hidratante Kanechon (qualquer versão). 

Forma 2 com cabelos secos umectação: Após fazer o tratamento diurno ou noturno umedeça os fios e aplique o condicionador ou hidratante leve nos fios mecha a mecha e deixe agir por 3 minutos. Enxague o condicionador e já desembarace os fios, depois de enxaguado lave com seu shampoo de preferencia hidrate com seu hidratante de preferência e finalize como desejar.  


Note que:
Na forma 1 com o óleo de coco misturado ao creme hidratante, mesmo depois de enxaguar eu sugiro relavar os fios com shampoo especifico pra o seu tipo de cabelo e condicionar pois isso vai ajudar na hidratação dos fios e na retirada  do óleo por completo.

Na forma 2 com umectação nos cabelos secos eu sugiro a retirada do óleo com condicionador ou hidratante leve para só depois lavar com shampoo e hidratar. Esse passo é o que vai garantir que que o óleo de coco saia por completo dos fios e a hidratação vai ser feita de forma correta.

Particularmente falando a forma 2 é a forma que eu mais gosto e que eu faço sempre.
De uma forma ou de outra, a sugestão é alternar o tratamento com óleo de coco uma vez a cada 15 dias com outro tipo de tratamento. Eu gosto de na semana após o tratamento feito com óleos de coco, fazer um a base ampola.

 Anote essa dica: Produtos com a formulação mais líquida tendem a usar ativos em forma de micro ou nano partículas, que penetram nos fios mais rapidamente e tem resultado mais eficaz (mas isso é assunto para um outro post, se você quer saber mais sobre produtos com micro e nano partículas fala no cometário), e super funcionam após tratamento com óleo de coco.

Espero que tenham gostado do post!
Tem alguma dica ou duvida pra compartilhar? comenta aqui pra gente fazer um post 2 sobre Óleo de coco.

Bjs, 
Roberta Gomes




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Penteados Para Cabelos Étnicos

13 Idéias De Penteados Para Casamento De Dia

Cor De Cabelos Para Realçar Peles Morenas